Dom, 22 de Outubro de 2017

Notícias

Estudantes aprendem como ajudar a cuidar dos ônibus

Foto: Valdecir Galor/SMCS

| 14/9/2017

Conhecer um pouco sobre a operação e o monitoramento do sistema de transporte público foi o objetivo da programação cumprida na sede da Urbs, nesta quarta-feira (13/9), por cerca de 50 estudantes do 6º ano da Escola Municipal Caic Cândido Portinari (CIC). Outras turmas têm visitas agendadas para os próximos dias.

A atividade faz parte do programa Cidadania Jovem: Informar para Formar, que visa à formação de usuários conscientes sobre o funcionamento do transporte. Este ano a ação levará ao local dez das 11 unidades da rede municipal de ensino que ofertam aulas de 6º ao 9º ano. Apenas uma não foi incluída porque a turma estuda à tarde e o evento acontece pela manhã. “Queremos muito que vocês nos ajudem a cuidar dos nossos ônibus”, disse o presidente interino da Urbs, Celso Bernardo, que recebeu as turmas no auditório da empresa.

A apresentação do sistema ficou a cargo da coordenadora de Relações Institucionais da Urbs, Sílvia Ramos, que expôs as principais informações sobre o sistema de transporte e o custo do vandalismo nos ônibus e nas estações-tubo. “Só um vidro desses custa mais de R$ 460. E isso é dinheiro nosso, que sai dos tributos que nós pagamos sobre os produtos que consumimos e que a Prefeitura arrecada”, disse ao apontar para uma parte de uma estação-tubo. Quebra-quebras de estações e vidros riscados, entre outros danos ao patrimônio provocado por vândalos, consumiram R$ 155,7 mil no ano passado e afetaram 655 ônibus.

Curiosidade

Por meio de um vídeo, ela também mostrou como a empresa e a Guarda Municipal, com a ajuda de câmeras de segurança, identificam e retiram dos ônibus os fura-catraca – pessoas que invadem os ônibus sem pagar passagem. As crianças acompanharam com interesse as imagens – que mostravam estudantes apreendidos e sendo levados à Delegacia do Adolescente - e fizeram perguntas sobre o assunto.

Antes de voltarem para a escola, os visitantes também passaram pelo Centro de Controle Operacional, o CCO. O setor monitora, em tempo real, os 1380 ônibus de 250 linhas em circulação e também zela pela acessibilidade em Curitiba pelos diferentes modais.

Categoria: Transporte Coletivo

Arquivos

Outubro 2017
Setembro 2017
Agosto 2017
Julho 2017
Junho 2017
Maio 2017
Abril 2017
Março 2017
Fevereiro 2017
Janeiro 2017
Dezembro 2016
Novembro 2016
Junho 2016
Maio 2016
Abril 2016
Março 2016
Fevereiro 2016
Janeiro 2016
Dezembro 2015
Novembro 2015
Outubro 2015
Setembro 2015
Agosto 2015
Julho 2015
Junho 2015
Maio 2015
Abril 2015
Março 2015
Fevereiro 2015
Janeiro 2015
Dezembro 2014
Novembro 2014
Outubro 2014
Setembro 2014
Agosto 2014
Julho 2014
Junho 2014
Maio 2014
Abril 2014
Março 2014
Fevereiro 2014
Janeiro 2014
Dezembro 2013
Novembro 2013
Outubro 2013
Setembro 2013
Agosto 2013
Julho 2013
Junho 2013
Maio 2013
Abril 2013
Março 2013
Fevereiro 2013
Janeiro 2013
Dezembro 2012
Novembro 2012
Outubro 2012
Setembro 2012
Agosto 2012
Julho 2012